MAN

Volkswagen Truck & Bus será capitalizada

VWCO

Da redação 

Para capitalizar a Volkswagen Truck & Bus, o Grupo Volkswagen vai transformar a subsidiária em sociedade anônima (AG) e, num segundo momento, transformá-la numa Societas Europaea (SE), o que demandará primeiramente mais uma aprovação do conselho administrativo. Estas ações deverão ocorrer o mais rápido possível.

Para Andreas Renschler, CEO da Volkswagen Truck & Bus GmbH, “a constituição da Volkswagen Truck & Bus no ano de 2015 foi definitivamente a decisão certa: hoje nossas marcas de veículos comerciais trabalham até mais estreitamente e com mais sucesso do que nunca antes. A preparação para a capitalização da empresa é assim um passo lógico nesta evolução bem-sucedida de nossa empresa. Agora estamos prontos para com a capitalização subir de nível. É claro que isto não ocorrerá de um dia para o outro. Assim, com o ‘Next Level‘ iniciamos um abrangente projeto, no qual atuam quase 200 colaboradores de todas as nossas marcas em todo o mundo. Como equipe, criaremos as condições para poder ter acesso a todas as possibilidades financeiras do mercado de capitais. Assim poderemos financiar importantes investimentos futuros com mais flexibilidade e acelerar o crescimento rentável de nosso negócio com veículos comerciais. Nossos clientes, colaboradores bem como todo o Grupo Volkswagen tirarão proveito disto de igual maneira“.

A Volkswagen Truck & Bus conta com 31 fábricas em 17 países, que somam 81 mil colaboradores, que produzem caminhões e ônibus. Nos primeiros anos fiscais de 2016 e 2017, a empresa investiu um montante total de 2,9 bilhões de euros em pesquisa e desenvolvimento. A Volkswagen Truck & Bus detém hoje uma posição de liderança de mercado na Europa e no Brasil. Nos mercados em crescimento da América do Norte e China puderam ser constituídas fortes parcerias.

  • Performance das marcas: contínuo fortalecimento da Performance das marcas com identidade, pontos fortes e perfil próprios
  • Expansão global: dar continuidade à expansão global para a realização dos efeitos de grandeza e vantagens competitivas
  • Modelos de negócio orientados ao futuro: desenvolvimento de soluções para o setor de transportes do amanhã (p. ex. nas áreas de condução autômata e e-mobility)
  • Cooperação & Sinergias: fortalecimento da cooperação entre as marcas e criação de maiores sinergias
  • Otimização da estrutura organizacional: verificação da estrutura da organização e desenvolvimento de valores comuns
  • Comunicação: adoção de um modelo ativo e aberto de comunicação
  • Atingimento da capitalização: criação de condições técnicas e estruturais visando a capacitação ao mercado de capitais

“Os representantes dos trabalhadores da Volkswagen, MAN e Scania apoiam já desde 2011 a estratégia de que nossa divisão de caminhões precise de uma organização global para levantar o maior nível possível de sinergias”, disse Bernd Osterloh, presidente geral do Conselho de Fábrica da Volkswagen AG. ”Com a capitalização, criaremos as condições para bancar – se necessário, financeiramente – nosso crescimento e possibilitar novas perspectivas e uma garantia no longo prazo da empregabilidade de nossas fortes marcas MAN e Scania. A intenção de nos tornarmos o Global Champion não só em termos financeiros, mas também do ponto de vista dos direitos dos trabalhadores da MAN e da Scania, está em primeiro plano e é um entendimento comum entre nós e Andreas Renschler. Será criada uma situação de ‘ganha-ganha’ para os empregados e a empresa“, completou.

O caminho para a transformação de uma sociedade de responsabilidade limitada (GmbH) em uma sociedade anônima (AG) será acompanhado de perto. “No final, vemos uma sociedade anônima de direito europeu (SE). Damos muita importância a isto, pois queremos uma forte coparticipação para nossos colegas da MAN e da Scania. E isto só será possível numa SE“, prosseguiu Bernd Osterloh.

Related Posts