Destaque Randon

Randon inaugura fábrica de R$ 100 milhões em Araraquara

Randon Implementos

Gustavo Queiroz, de Araraquara (SP)

A nova fábrica de vagões ferroviários (modelos hopper, gôndola, tanque, carga geral, plataforma, sider e telescópico) e semirreboques canavieiros da Randon, em Araraquara (SP), foi idealizada em 2012 e materializada nesta semana com a sua inauguração. O empreendimento consumiu investimentos da ordem de R$ 98,6 milhões, sendo 40% de capital próprio e o restante financiado em sete anos via BNDES. A unidade já emprega 100 funcionários, entre vagas diretas e indiretas.

Alexandre Gazzi, COO Montadoras.

Alexandre Gazzi, COO Montadoras.

“A planta possui capacidade para produzir 2.000 vagões anualmente. Entretanto, devemos fabricar de 700 a 800 unidades considerando o que também é feito na unidade de Caxias do Sul (RS).”, informou Alexandre Gazzi, COO Montadoras Empresas Randon. O executivo explicou que o mercado de vagões ferroviários parece um “eletrocardiograma”, já que há grandes variações de um ano para o outro, sempre alternando entre altos e baixos. “Estamos no ano de baixa. Quando o mercado estiver no patamar de 6.000 vagões por ano, teremos condições de atender 1/3 desta demanda somente em Araraquara e, se a demanda for maior, temos outras fábricas preparadas para atender aos pedidos”, completou.

Sobre o mix de produção da unidade fabril, Gazzi analisou: “Ninguém em sã consciência construiria uma fábrica exclusivamente para a produção de vagões, hoje em dia. Por isso, a planta precisa dessa versatilidade de poder produzir diferentes famílias de produtos. Assim, podemos atuar de forma sustentável no segmento ferroviário”.

Alexandre Randon, presidente do Conselho de Administração Empresas Randon.

Alexandre Randon, presidente do Conselho de Administração Empresas Randon.

De acordo com Alexandre Randon, presidente do Conselho de Administração e diretor Empresas Randon, a instalação de uma fábrica em Araraquara é logisticamente estratégica. “O custo se torna mais barato. Por exemplo, o frete de um vagão de Caxias para São Paulo custa de R$ 12.000,00 a R$ 15.000,00. Por isso, para o nosso cliente, essa fábrica é importante”, explicou.

A fábrica

Randon Implementos

O empreendimento está instalado em uma área de 122 hectares, sendo 25.000 m² de área construída para a fábrica, área administrativa e apoio. “A Randon Araraquara está num polo de grande demanda por produtos voltados ao setor do agronegócio, como os semirreboques canavieiros e os vagões ferroviários. Estamos mais perto de nossos clientes, bem como de fornecedores, contando com excelente infraestrutura de estradas e ferrovias, o que nos permite negócios e entregas mais rápidas,” afirmou Gazzi.

O projeto arquitetônico contemplou soluções construtivas que potencializam o aproveitamento da luz, ventilação natural, captação e reutilização das águas pluviais, características adequadas ao movimento mundial de responsabilidade ambiental e da política das Empresas Randon.

Randon ImplementosA planta adota a filosofia Lean Manufacturing, almejando uma manufatura livre de distúrbios, com ritmo e fluxo e puxados pela demanda. Para tanto, optou-se por uma logística interna automatizada, minimizando as perdas de movimentação.

O espaço e a organização do chão de fábrica foram otimizados através da instalação de mecanismos aéreos que contemplam todo o sistema de soldagem, tecnologia desenvolvida exclusivamente para a nova planta.

A preparação de superfície de pintura dos produtos é realizada através de um processo de jateamento robotizado, com a atuação de dois robôs telescópicos com oito eixos de atuação e sistema de recolhimento e reutilização de granalha automatizado, trazendo o estado da arte nessas operações.

A planta conta ainda com duas cabines de pintura com sistema de filtragem a seco e tecnologia de processamento mono-coat, trazendo grande qualidade ao acabamento final dos produtos e respeito ao meio ambiente. A logística interna utilizará rebocadores elétricos com sistema tugger train, permitindo a movimentação de part numbers sem que a sua descarga dependa da utilização de outros equipamentos. Seguindo as tendências tecnológicas no acompanhamento de produção, a infraestrutura da unidade está preparada para os sistemas e processos que integram os conceitos da Indústria 4.0.

A inauguração da fábrica de Araraquara teve homenagem ao Raul Randon, fundador da empresa, além da presença de autoridades regionais.

Related Posts